Voltar para todos os posts
artista em mesa com notebook smartphone e pincéis
Guia de e-commerce Manual para iniciantes Sem categoria

5 melhores plataformas de e-commerce e marketplaces para vender online

Por Tempo de leitura: 5 minutos

Ao estar sempre em comunicação com usuários novos no mundo do e-commerce, nós da Printful recebemos com frequência a mesma pergunta: “O que é preciso para ser um empreendedor?”. Antes de começar a dar dicas, quero pedir que, se você tem essa dúvida, mude a abordagem: pergunte-se “o que é preciso para ser um empreendedor?”.

Se você chegou neste post, é porque tomou a decisão de buscar informações online e tem uma qualidade rara e muito valiosa: iniciativa. Parabéns! Você já tem um diferencial! Agora, falta a mão na massa! O próximo passo é conhecer algumas ferramentas muito necessárias para digitalizar a sua ideia de negócio.  

O que são plataformas de e-commerce?

Se você já conferiu nosso post sobre “O que é um nicho de mercado”, sabe como enviar produtos vendidos pela internet e deu uma olhada no Catálogo da Printful para o Brasil, sabe o que quer vender e para quem quer vender. Falta o “Onde?”. 

Já diziam os mais sábios que “não se constrói castelo em terreno de areia”. Isso quer dizer que você pode até tentar começar a vender usando um canal que não foi feito para comércio eletrônico, mas chegará a um ponto em que a sua vitrine, o processo de cobrança e a análise de resultados terão que ser menos manuais e mais otimizados.

Para isso existem as plataformas de e-commerce. Para que você controle com mais facilidade a imagem da sua loja e o rendimento do seu negócio. Elas também podem ser uma boa via de expansão (ou salvação) de uma marca, já que foram essenciais para lojas físicas que se lançaram ao digital com as dificuldades da pandemia. 

Quais são as diferenças entre marketplaces e plataformas de e-commerce?

Essas duas opções são muito válidas na hora de digitalizar o seu negócio. Mas, antes de escolher, você precisa decidir o que é mais interessante para a sua loja: ter uma vitrine individual e mais flexível aos seus gostos ou fazer parte de um shopping online que já existe e já tem tráfego?

O principal benefício de vender no seu próprio site é que você pode trabalhar mais no desenvolvimento da sua marca. Em contrapartida, usar um marketplace que já existe permite que você se beneficie da sua elevada quantidade de usuários. Veja abaixo as principais diferenças entre as duas opções:

Tabela mostrando diferença entre marketplace e plataforma de e-commerce
A tabela mostra as principais vantagens e desvantagens de marketplaces e plataformas de e-commerce

Vantagens de levar sua loja a um marketplace ou plataforma de e-commerce

Com uma loja online, você terá um sistema responsável por gerenciar a sua loja e ferramentas que vão potencializar sua visibilidade, como recursos SEO e de compartilhamento com redes sociais. Lembre-se também de um detalhe muito importante: para uma empresa de lojas de e-commerce, o sucesso do seu negócio também é o sucesso dela. Por isso, elas vão se esforçar para oferecer um serviço estável e com potencial de crescimento para você – o que não é garantia caso você use outro canal cujo objetivo de negócio não é vender online.    

Segundo o relatório da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), em parceria com a Conversion, o setor de vendas online deu um salto de 40% em março de 2020 em relação a março de 2019. Os dados deixam mais que claro que, se você ainda não digitalizou o seu negócio, corre porque pode estar perdendo espaço de mercado. 

Top 5 plataformas e marketplaces com integração com a Printful Brasil 

Agora que você já se informou sobre os dois melhores modelos para digitalizar o seu negócio, chegou a hora de escolher qual ferramenta usar. Confira a nossa lista abaixo com algumas boas opções com as quais a Printful já tem integração e você pode começar o seu negócio de print-on-demand no Brasil:  

1. Shopify 

Captura de tela da página principal da Shopify Brasil
Página principal da Shopify


A Shopify é uma plataforma muito fácil de usar e presente em diversos países. Ela é fácil de configurar, tem uma interface amigável, bom atendimento ao cliente e inclui hospedagem. Você pode personalizar sua loja com alguns dos temas gratuitos ou pagar através da loja interna da Shopify. Suas taxas começam em US$ 29 e há comissões sobre cada venda. Outro diferencial da plataforma são as ferramentas integradas para montar, lançar e obter dados de campanhas de marketing digital. Assim, você pode controlar todos os âmbitos do seu negócio em um só lugar.

  • Prós:
    – Muito pouca experiência técnica é necessária.
    – Serviços completos de hospedagem.
    – Permite personalizar todas as características da sua loja com pouco ou nenhum esforço.
    – Ferramentas de marketing digital.
  • Contras:
    – Taxas periódicas de assinatura e de transação.

2. NuvemShop

Página inicial da NuvemShop
Página principal da NuvemShop


A Nuvemshop é uma plataforma de e-commerce que atende a quase 80 mil comerciantes no Brasil, na Argentina e no México. Ela facilita a gestão da loja com soluções de pagamento, diversas ferramentas de marketing e personalização do site.

  • Prós: 
    – Intuitiva
  • Contras:
    – Taxas periódicas de assinatura e de transação.

3. WooCommerce 

Página inicial do Woocomerce
Página principal do WooCommerce


O WooCommerce é um plugin gratuito e personalizável. Tem um grande suporte técnico, mas você tem que ter algumas habilidades de TI para configurar sua própria hospedagem.

Entretanto, se você planeja integrar sua plataforma à Printful, ficará feliz em saber que temos uma parceria com a SiteGround para ajudá-lo a começar mais facilmente: ao escolher um plano de hospedagem com esta plataforma, você também receberá uma plataforma WordPress pré-instalada, o aplicativo WooCommerce, o aplicativo Printful, o tema Storefront e um subdomínio gratuito (yourstore.myprintful.com).

  • Prós:
    – É uma plataforma gratuita, sem contar as taxas de hospedagem.
    – É uma opção ideal se você já usa WordPress.
    – Permite a criação de uma loja totalmente personalizada.
  • Contras:
    – Você precisa de conhecimentos de informática para montar sua própria hospedagem.

4. Wix

Página principal da Wix Brasil
Página principal da Wix Brasil


A Wix permite que você projete lojas online atraentes e com acabamento profissional de uma maneira completamente intuitiva. Também oferece muitas ferramentas gratuitas para fazer seu negócio crescer, tais como o Wix SEO Wiz, o Wix Video Maker e o Wix Blog.

  • Prós:
    – Plataforma muito intuitiva e fácil de usar.
    – Opções infinitas de personalização.
  • Contras:
    – Taxa de assinatura mensal.

5. Amazon

Página principal da Amazon Brasil
Página principal da Amazon Brasil

A vantagem da Amazon é que ela é um dos maiores mercados varejistas online do mundo. Ela chegou pouco a pouco no Brasil, mas hoje já é um dos maiores marketplaces do país. Você não precisa de nenhum conhecimento técnico para configurar sua loja nela, mas existem algumas etapas complexas, que levarão algum tempo até que você possa começar a vender.

Além disso, a Amazon tem regras rígidas sobre seu comportamento (em relação a remessas atrasadas, defeitos de produto e taxa de cancelamento). Portanto, manter a conta após a criação da mesma requer bastante trabalho.

  • Prós:
    – Seus produtos estarão em um dos maiores sites de varejo do mundo.
    – Você não precisa de configurações de hospedagem.
  • Contras:
    – Possui taxas mensais de assinatura e comissões recorrentes.
    – Você terá que passar por várias etapas antes de começar a vender.
    – Regras estritas de comportamento.
    – Opções de personalização limitadas.

Agora você já pode começar seu negócio de dropshipping de print-on-demand!

Não poderia terminar o post sem reforçar que, com todas as ferramentas mencionadas acima, você pode aproveitar nosso serviço de dropshipping de print-on-demand automaticamente. Dê uma olhada na nossa lista de integrações disponíveis e, se ainda não tiver decidido por alguma, faça o teste gratuito na parte inferior da página e veja o que o nosso algoritmo irá recomendar.

Recomendo também que você dê uma olhada no artigo Dropshipping: o guia completo para começar.  

No entanto, se ainda não estiver convencido de montar o seu site de vendas ou sua loja em um marketplace ou plataforma de e-commerce, há duas outras opções:

  1. Você pode fazer seus pedidos manualmente.
    Assim, você pode vender através de uma loja física ou redes sociais usando mockups gratuitos criados com o Criador de Designs
  2. Se tiver habilidades de programação e desenvolvimento web, você pode usar nossa API e conectar a loja que montou com o processamento da Printful.  

Em qualquer caso, esperamos que este guia o ajude a tomar a decisão certa! Você já sabe que a melhor plataforma de comércio eletrônico será a que melhor se adapta às suas necessidades. Se você tiver alguma dúvida ou quiser compartilhar sua experiência sobre as plataformas, não hesite em nos deixar um comentário. Teremos o maior prazer em ouvir seu feedback.

Ainda tem dúvidas?  

Assista ao nosso webinar com todos os detalhes sobre como montar seu e-commerce de dropshipping de print-on-demand:   

Não esqueça também de visitar nossas redes sociais: Instagram, YouTube e Facebook. Faça parte da comunidade de Printfulers e fique sempre por dentro dos novos posts do blog e dicas sobre produtos e serviços da Printful.  

Denise Miller é formada em Jornalismo. Depois de anos de redação, decidiu se arriscar e fazer uma pós-graduação em Diplomacia e um mestrado em Comércio Internacional na Espanha. Foi assim que o destino a levou para Marketing Online e Internacionalização de Empresas. Como especialista de Marketing de Conteúdos da Printful, irá compartilhar dicas e boas ideias para alavancar o seu negócio.

Comments

Deixe uma resposta

O seu e-mail não será publicado



Voltar para todos os posts

Pronto para experimentar a Printful?

Conecte-se a uma plataforma de e-commerce ou faça um pedido.

Comece já! chevron-right