Voltar para todos os posts
Como escolher um nicho de mercado
Dicas de marketing Manual para iniciantes

O que é nicho de mercado e como escolher o seu + 100 ideias de nicho

Por em 14 de outubro de 2021 Tempo de leitura: 7 minutos

Então você quer ganhar dinheiro online mas não sabe bem por onde começar? Ou talvez até já tenha uma loja virtual, mas tem a sensação de que algo não está certo na sua vitrine.

A primeira pergunta que você deve fazer é: com quem eu estou falando? Isso porque uma das chaves para o sucesso dos pequenos negócios é falar com as pessoas certas e, para isso, você precisa encontrar um nicho.

O que é nicho de mercado?

Um nicho de mercado é uma fatia de mercado que atrai um público específico. E um negócio focado em um nicho supre as necessidades que as grandes empresas não suprem.

Por exemplo: o nicho de produtos para escritório é amplo, mas pode ter inúmeros sub-nichos como produtos para escritório para pessoas canhotas ou cadernos feitos de material reciclado.

Nicho: produtos de escritório  paran os melhores chefes
Exemplo de nicho: produtos de escritório para os melhores chefes do mundo. Foto: UOL

No entanto, o que realmente separa um nicho de outro são as pessoas que compram esses produtos. Por esse motivo, comece a busca pelo seu nicho com o seguinte pensamento:

Não é o produto ou serviço, mas as pessoas que o utilizam que definem um nicho. 

É fácil esquecer que existe alguém por trás de cada compra, mas é imprescindível se esforçar para lembrar que o seu nicho é, na verdade, um grupo de pessoas que tem pelo menos um interesse, problema ou necessidade em comum.

Neste post, vou mostrar em 4 passos como encontrar um nicho de mercado para a sua loja virtual. E, se você ficar comigo até o fim, vai ganhar de presente uma lista de 100 ideias para usar no seu brainstorm.

Marketing de nicho x vender tudo para todo mundo

Sabendo que um nicho foca apenas em uma fatia do mercado, você pode estar se perguntando: “Mas por que eu ia querer trabalhar apenas uma pequena parte do público? Eu não teria mais vendas se focasse em todo mundo?¨.  

Essas são perguntas válidas, afinal existem, sim, empresas como Amazon e Americanas que conseguem vender tudo para todo mundo com sucesso. No entanto, você há de concordar comigo que elas são a exceção, não a regra.

Na maior parte das vezes, ao focar em todo mundo, você acaba não focando em ninguém. E o resultado aparece nas vendas.

Seja um peixe grande em um lago pequeno em vez de um peixe pequeno em um lago grande.


Vantagens de trabalhar com um nicho reduzido

  • Melhor visibilidade nas buscas. Focar em um nicho específico ajuda sua loja a ser encontrada por quem está inclinado a comprar um produto específico.
  • Menos concorrência, mais margem de lucro. Se as pessoas têm menos opções, elas são menos sensíveis a preços. 
  • Menor custo de publicidade. Como você vai focar em uma parte específica do público, não precisará competir com os gigantes e suas generosas verbas de publicidade.
  • Público mais dedicado. Você provavelmente terá mais pessoas realmente interessadas inscritas na sua lista de e-mails e mais seguidores de qualidade nas suas redes sociais, pois o público de nicho é mais apaixonado pelo assunto que inspira seus produtos.

Consegui te convencer? Então vamos em frente! Antes de começar a criar uma loja virtual, você precisa saber exatamente para quem está criando. Este primeiro passo vai ajudar a entender a qual nicho você pertence enquanto consumidor e também a tomar decisões melhores como empreendedor.

Como escolher seu nicho de mercado

Passo 1: Inspire-se na sua própria experiência

Seu gosto pessoal, preferências e necessidades colocam você em muitos sub-nichos. Quer saber quais? Observe suas marcas favoritas e as compras online que você fez recentemente.

Por que você escolheu o produto dessa empresa e não dos concorrentes? O que a sua marca preferida oferece que nenhuma outra oferece?

A loja Apollo Tarot, por exemplo, apostou todas as suas cartas no público que é fã da leitura dos arcanos. É possível encontrar outras marcas com peças inspiradas no tema? Claro! Mas com a mesma variedade e detalhes de uma empresa que se dedica 100% ao assunto? Pouco provável.

Não foi à toa que eu me lembrei dela e não de outras enquanto escrevia este post. 

Passo 2: Identifique suas paixões e interesses

Se a sua marca se basear em algo que você acredita ou pelo que está disposto a lutar, seu negócio vai se construir sozinho.

A marca de roupas Surpride, por exemplo, nasceu do desejo das suas fundadoras de vestir sua identidade e chamar a atenção para a luta da comunidade LGBTQIA+. 

¨A Surpride nasceu com amor e orgulho em mente. Tivemos a ideia durante o evento NYC Pride. Nossa missão é criar roupas com as quais as pessoas LGBTQIA+ possam se relacionar compartilhando seus pensamentos e sentimentos.¨

Samanta Fluture, Surpride
Camiseta Love da Surpride Nicho LGBTQIA+
Foto: Surpride

Este é um exemplo de nicho que mostra como você pode construir a sua marca com base em algo que é muito pessoal para você e para as pessoas ao seu redor. 

Ter envolvimento emocional com o seu projeto vai te dar forças para seguir em frente quando você se deparar com os desafios de ter o seu próprio negócio.

Passo 3: Faça uma pesquisa de mercado no seu nicho

Antigamente, as pequenas empresas não podiam competir com os grandes negócios, mas as coisas mudaram. Com a dose certa de SEO (otimização de ferramentas de busca) e dedicação, você pode conquistar seu espaço, não importa o tamanho da concorrência.

Análise de concorrência

Antes de lançar a sua loja, pesquise o que já está rolando no mercado. Você pode descobrir um concorrente que o seu cliente em potencial já está de olho e você nem conhecia. Ou pode se dar conta de que um mercado no qual você está pensando em entrar está mais saturado do que você imaginava.

Um pouco de concorrência dentro de um nicho é positivo, porque confirma que é possível ganhar dinheiro nele. Além disso, seus concorrentes vão mantê-lo alerta, o que vai motivar você a melhorar a qualidade dos seus produtos e serviços.

Porém, para alcançar (e eventualmente ultrapassar) as marcas já estabelecidas no seu nicho, você precisa ter uma vantagem competitiva, aquilo que faz com o que seu produtos se destaque do restante. Que problemas você pode resolver melhor que os seus concorrentes? O que você tem de único?

Dê às pessoas um motivo para escolher você. Pode ser a qualidade superior dos produtos, excelente atendimento, variedade do catálogo, desde que seja algo que os clientes do seu nicho realmente enxerguem e considerem importante.

SEO para pequenos negócios

Trabalhar o SEO da sua empresa é utilizar estratégias para fazer com que o seu site se destaque no ranking do Google para atrair mais visitantes para ele. Aqui estão algumas métricas básicas que você deve observar e ferramentas que você pode usar na sua busca.

Volume de buscas e perguntas

O volume de buscas é o volume estimado (ou número) de buscas por uma palavra-chave em particular em um determinado espaço de tempo. Esta é uma das métricas mais importantes para avaliar o interesse e o potencial de lucro que o seu nicho pode gerar.

Não construa o que você pensa que as pessoas querem. Construa o que elas pedem.

Tire vantagem das ferramentas de marketing que já existem por aí e acerte em cheio no que as pessoas estão procurando na internet. Ferramentas como Ahrefs e Semrush (links em português de Portugal) vão encontrar os dados por trás das buscas do Google. 

Você pode também usar ferramentas gratuitas como o Answer the Public (link em inglês, mas a pesquisa pode ser feita em português com foco no Brasil) ou Ubersuggest para encontrar informações sobre as perguntas feitas pelas pessoas durante suas buscas.

Se o volume de buscas for alto, isso quer dizer que há muito interesse neste nicho. Muito interesse também significa muito potencial (e geralmente muita concorrência). O ideal é que você foque em palavras-chaves com volume de busca de 1.000 para cima.

Se o volume de buscas for muito baixo, não quer dizer necessariamente que o nicho não existe ou não é lucrativo. O baixo volume de buscas pode indicar que você está prestes a ser um pioneiro no nicho. E se o produto não existe, as pessoas não sabem como procurar por ele. Use isso como vantagem: quando o seu negócio começar a crescer, o volume vai aumentar com a popularidade do seu nicho.

Compradores online podem ser muito específicos, então preste atenção nas palavras-chave da cauda longa . “Moletom personalizado com capuz feminino” vai ter menos buscas que ¨moletom personalizado”, mas é uma busca feita por alguém que sabe exatamente que acessório quer.

Tendências de nichos e produtos 

Antes de escolher o que vender na sua loja virtual, dê uma olhada nas tendências. Use o Google Trends para descobrir que ideias do seu nicho têm buscas crescentes e consistentes, garantindo que a sua loja vai continuar triunfando quando as modas passarem.

Passo 4: Proponha uma solução para um problema do seu público-alvo

Agora que você já fez sua pesquisa, precisa entender o que exatamente o seu potencial cliente precisa.

Crie a sua loja para pessoas, não produtos.

Desculpe a franqueza, mas, se você vai dar ao seu público-alvo só mais um produto, pode acabar não chegando a lugar nenhum. Você precisa pensar em formas de resolver as dores dessas pessoas. 

Encontre as questões que os seus clientes estão enfrentando e defina se você pode entregar uma solução. Para uma visão interna do seu nicho, explore fóruns em sites como Quora e dê uma olhada nas discussões que estão acontecendo. Que perguntas as pessoas estão fazendo? Que problemas elas têm?

Vamos a mais um exemplo: a marca de camisetas para viajantes Iconspeak (site em inglês), que nasceu de um verdadeiro perrengue vivido pelos seus co-fundadores, Georg e Florian. 

Durante uma viagem pelo sul da Ásia, suas motos quebraram algumas vezes e eles tiveram que encontrar uma forma de se comunicar com os locais para encontrar oficinas mecânicas. Como uma imagem vale mais que mil palavras, eles começaram a desenhar o que precisavam no papel.

Ao perceber que estavam reutilizando os desenhos o tempo todo, decidiram que faria mais sentido tê-los em uma camiseta. Assim surgia a Iconspeak.

Camisa Iconspeak - Nicho viajantes
Fonte: Iconspeak

Temos aqui um case de nicho resumido aqui: Georg e Florian descobriram um nicho (viajantes independentes) com uma necessidade específica (uma forma fácil de se comunicar quando as palavras falham) e ofereceram uma solução única com suas camisetas.

Quer outro bom exemplo de nicho descoberto por experiência própria? Conheça a incrível história de como nasceu a Printful

Exemplos de nicho de mercado: 100 ideias de e-commerce

Como prometido, aqui estão 100 ideias nas quais você pode se basear para criar sua loja virtual. Essa lista não é limitada, então fique à vontade para misturar e combinar tópicos para criar um nicho original para uma loja de camisetas personalizadas, produtos de arte ou qualquer outro negócio online.

  1. Moda 
  2. Wanderlust (Ex.: Iconspeak – link em inglês)
  3. Maternidade & Paternidade 
  4. Condições raras (StomaStoma – link em inglês)
  5. Crenças & Religião (Apollo Tarot – link em inglês)
  6. Cultura local (Alaido)
  7. Mapas (Think About Maps – link em inglês)
  8. Parques e áreas verdes
  9. Equipamentos de ginástica (Kettlebell Kings – link em inglês)
  10. Pets 
  11. Mundo virtual e realidade aumentada
  12. Tecnologia
  13. Estilo de vida sem desperdício
  14. Direitos civis
  15. LGBTQIA+ (Surpride – link em inglês)
  16. Movimento body-positive
  17. Reciclagem
  18. Cozinha vegana
  19. Esportes paraolímpicos
  20. Adoção
  21. Pais solteiros
  22. Grávidos
  23. Recém-casados
  24. Viajantes independentes
  25. Casa pequena
  26. Vida na van
  27. Bem-estar animal
  28. Raças de cães e gatos
  29. Pets diferentes
  30. Animais com necessidades especiais
  31. Santuários de animais
  32. Observação de pássaros
  33. Acessórios para pets 
  34. Cafés especiais
  35. Cervejaria artesanal
  36. Cozinha local 
  37. Comidas artesanais
  38. Mixologia
  39. Meditação e relaxamento
  40. Yoga
  41. Ciclismo
  42. Cuidados pessoais
  43. Memes (caem super bem em canecas personalizadas)
  44. Frases Motivacionais (ou Desmotivacionais)
  45. Lettering e caligrafia
  46. Pessoas canhotas
  47. Preferências tecnológicas
  48. Navegação e canoagem
  49. Fintechs
  50. Biohacking

Ainda não encontrou o tópico que faz seu coração bater mais forte? Temos mais 50 ideias que você pode fazer o download no final do post.

Hora de escolher o seu nicho

Agora que cobrimos os principais pontos, vamos recapitular os 4 passos para achar o seu nicho:

  • Encontre o seu lugar como consumidor
  • Escolha um assunto com o qual você verdadeiramente se importa
  • Pesquise os interesses do seu nicho
  • Identifique um problema e proponha uma solução única

Agora é hora de colocar o seu aprendizado em ação. Começar é a parte mais assustadora para qualquer empreendedor, mas não tenha medo: se você seguir esses passos, entrar no mercado será um risco calculado, não um tiro no escuro.

Me conte nos comentários qual nicho você escolheu. Vou adorar conhecer sua história e seu trabalho!

Gabriela é Publicitária, Blogger profissional e Especialista em Marketing de Conteúdo na Printful. Apaixonada por Redação e Planejamento, ela vai compartilhar tudo o que sabe para ajudar você.

Comments

Deixe uma resposta

O seu e-mail não será publicado



Voltar para todos os posts

Pronto para experimentar a Printful?

Conecte-se a uma plataforma de e-commerce ou faça um pedido.

Comece já!